arrow Home Quarta, 04 Março 2015  






 
Home
Preparação para o Parto
Doula
Massagem do Bebé
Barriga de Gesso
Testemunhos (NOVOS)
Futuras Mamãs
On-line - Guia para atenção efetiva...
Artigos...
Fórum
Parto na Água
Links
Quem Somos
Mídia
Contacte-nos
        
          

Acompanhe-nos no:

             
 
            





versão de qualidade reduzida e mais rapida - clik aqui



Newsletter
 
E-mail
Subscrever
Não Subscrever
NascerSaudável-Especial Algarve!


O NascerSaudável no Algarve pela primeira vez!

Um Nascimento Saudável é o desejo de todos os Pais, sempre que possível sem intervenções desnecessárias e com a máxima tranquilidade possível para que o acolhimento do Bebe à vida extra-uterina seja um momento que marque positivamente toda a família. 
 

É objectivo do program NascerSaudável fornecer aos participantes a informação básica essencial para tomadas de decisões conscientes. O alvo deste encontro são os Pais, mas sempre a pensar nos Bebés!

As inscrições estão limitadas a 10 casais.

Abusos nas práticas hospitalares de assistência ao parto?

Susan Hodges, MS

SUMÁRIO

Estão as parturientes a ser tratadas de forma abusiva nos hospitais? Apesar de raramente serem reconhecidas como abuso ou violência contra as mulheres, a intimidação e a actuação médica sob falso pretexto, mesmo num hospital, constituem um abuso e um atentado aos mais elementares direitos humanos, que merece atenção. A identificação deste problema é um primeiro passo. O poder da autoridade médica, a dificuldade de responsabilização no sistema hierárquico hospitalar, a existência de protocolos e políticas de actuação, e as expectativas de submissão formam, no seu conjunto, o ambiente ideal para a prevalência do abuso e constituem um obstáculo à sua identificação e erradicação, quer por parte da mulher, quer pela parte dos profissionais de saúde. Aprender a reconhecer o abuso e a actuar de forma efectiva, e compreender as exigências legais no que toca ao “consentimento informado”, podem ser uma ajuda, mas acabar com o abuso exige uma mudança em todo o sistema.

Independentemente da opinião de cada um, o interesse nacional pela reforma do sistema de saúde norte-americano trouxe, pelo menos, a tão necessária atenção dos media para os problemas da assistência à maternidade, como sejam o excesso de cesarianas e outras intervenções, o elevado despesismo e os fracos resultados.

Um problema menos divulgado na assistência à maternidade é a forma como as parturientes são tratadas em meio hospitalar. Não obstante a presença de médicos e equipas de assistência realmente atenciosos e zelosos, todos os que lidamos com mulheres grávidas já ouvimos ou testemunhámos inúmeros exemplos de abuso verbal ou físico dirigido a mulheres que dão à luz em hospitais.[1] Embora frequentemente não reconhecido como abuso, este comportamento para com as mulheres, em especial no parto, é inaceitável e nocivo. Algumas formas de abuso, como a falta de consentimento informado, a apresentação ambígua de situações clínicas, e ameaças, contribuem, provavelmente, para as elevadas taxas de intervenções desnecessárias e para a ocorrência de partos traumáticos.

 

Ler Mais...
 
top

Copyright © BioNascimento 2005
A WEBSITE BY PETERPANIC